Neve novamente em 29 de outubro

  • 15 de dezembro, o dia em que eu morri. Era frio obviamente, assim como todos os outros dias. Não havia descanso, um contra todos. E como a maioria de todos, morri pelo frio. Estou condenado a ficar separado e imortalizado, já que não fui enterrado por pessoas, não fui enterrado na terra. Eu fui enterrado na neve pela natureza, mas eu não posso voltar a ela, não posso voltar a terra como todos. Como? Não! Não me julgue, você não está em uma situação tão diferente da minha. E quer saber, “eu era feliz e não sabia”. Vai, me julgue por dizer isso… Porém isso é verdade. Sim, é clichê falar isso, mas o que eu posso fazer se é a pura verdade. Vê, pode me julgar, mas eu continuarei a repetir como um gravador. Por que? Porque o meu gravador não é como o de outras pessoas que só gravam e repetem. O meu é um gravador crítico, ele grava e fixa o que importa, e o que é certo eu repito, claro. E adicionando também, eu não sou como os outros, que guardam o conhecimento para si. Eu cheguei a me formar mas o diploma hoje serve para nada. Mas o conhecimento sim, esse me ajudou e muito até o momento de minha morte. Mas também não é nada dentro desse tumulo branco. Como deu para perceber, com a morte ganhamos muito tempo pensar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar e falar como um gravador. Pode se acalmar tá. Te deixarei em paz, não repetirei mais e mais e mais. Mas espere, aquilo é uma pessoa? EI! AQUI! TIRE MEU CORPO DAQUI… ISSO! NESSA DIREÇÃO. Não me julgue, eu sei que não podem me ouvir. Mas fazendo isso eu não fico com peso na consciência de não ter feito algo. “A esperança é a última que morre”. Isso, pisaram em mim. EI MUNDO, ALGUEM PISOU EM MIM! Vai, fale: “Mas que exagero” … NÃO! NÃO VÁ EMBORA! NÃO! NÃO VENHA SÓ ROUBAR MEU CORPO! “…” Prelo menos agora minha pele morta pode sentir os ventos gelados, mas logo a neve me enterrará novamente. Sabe, agora eu desejo uma coisa que eu nunca imaginei que eu pensaria antes. Queria ter sido queimado vivo como aqueles estadunidenses.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s